UFERSA recebe primeiros universitários do campus Pau dos Ferros‏


Após cinco anos de luta, o Alto Oeste Potiguar vê o sonho de criação de um campus da Universidade Federal Rural do Semi-Árido se concretizar. Para os 150 novos universitários do curso Bacharelado em Ciência e Tecnologia da UFERSA Pau dos Ferros, a conquista de uma vaga numa universidade pública federal representa mais que a realização de um sonho. É a perspectiva de um futuro melhor.

“Bem vindos a esse sonho que se tornou realidade”, exclamou o diretor do novo campus, professor Alexandro Pereira Lima, durante a realização da Aula Inaugural, ministrada na noite do dia 28 de fevereiro, no Auditório do IF-RN, em Pau dos Ferros. A solenidade, presidida pelo reitor da UFERSA Josivan Barbosa, reuniu autoridades da região, professores e servidores da universidade, além de familiares dos universitários. A cantora pauferrense, Diná Mendes, brindou as pessoas presentes entoando o hino nacional.

O professor Alexandro Lima exaltou a satisfação em poder dirigir o novo campus da UFERSA. “Considero o amor e o sonho como as principais dádivas da vida. O sonho da criação dessa Instituição e o sonho desses jovens em se tornarem futuros bacharéis em Ciência e Tecnologia ou engenheiros me motivam nesse novo desafio”, discursou.

Visivelmente emocionado, o diretor resumiu a instalação do campus como vários sonhos, alguns, já concretizados, como a instalação da UFERSA Pau dos Ferros e a conquista da vaga pelos estudantes. Outros, ainda por vir, como um futuro melhor para os jovens e seus familiares. “Quero homenagear aqui um grande sonhador, o reitor Josivan Barbosa, que sonhou na possibilidade de transformar a antiga ESAM em Universidade, bem como a sua expansão territorial, ora aqui, concretizada”, pontuou.  

O campus da UFERSA Pau dos Ferros é o terceiro implantado dentro do Projeto de Expansão Territorial da Universidade no semiárido do Rio Grande do Norte. Os outros dois são Angicos e Caraúbas. “Não havia um planejamento dentro do Ministério da Educação para a implantação dos campi”, discursou o reitor Josivan Barbosa.

Ainda segundo o professor, a luta foi iniciada em 2007, após aprovação da proposta de expansão pelo Conselho Superior Universitário. “Começamos sem nenhum recurso, mas com projetos fundamentados para a necessidade da expansão da UFERSA”, pontuou o reitor, que exaltou a contribuição de todos os parlamentares da bancada federal para o êxito dessa conquista.







Novo Campus deve entrar em funcionamento em 2013
  
As obras de construção do campus da UFERSA Pau dos Ferros estão em ritmo acelerado e a previsão é de que estejam concluídas até o final do ano. A primeira fase das obras compreende a construção de quatro construções distintas: guarita e muros; prédio administrativo; complexo de salas de aulas e um complexo de laboratórios. Nessa primeira fase da obra estão sendo investidos R$ 4 milhões, provenientes da emenda de bancada de 2009, a ser executada em 2010.

A segunda fase, que compreende recursos na ordem de R$ 4,4 milhões, também oriundos de emenda de bancada de 2010, também já está em pleno andamento com a construção da primeira etapa das obras de infraestrutura – hidráulica e elétrica – e do sistema de abastecimento com a construção de cisternas, caixas de água, estação de saneamento e tratamento. 

Para a terceira e última etapa foram alocados, por meio de emenda de bancada do Orçamento Geral da União 2012, recursos na ordem de R$ 9,5 milhões, que serão investidos com a construção de mais um complexo de sala de aula, mais um complexo de laboratórios, complexo de sala de professores, almoxarifado, setor de transporte e patrimônio, centro de convivência, além do restante da infraestrutura logística e a compra de equipamentos. Segundo o reitor da UFERSA, professor Josivan Barbosa, a licitação para essa última etapa deve ser concluída nos próximo três meses. 



0 comentários! Clique aqui e comente!:

Publicar um comentário