Dia da Mentira

Pregar mentiras no dia 1º de abril é um costume que perdura há décadas. Neste dia, crianças e adultos aproveitam o único dia em que teoricamente mentir não é pecado para fazer uma brincadeira saudável, dar boas risadas e contar histórias inacreditáveis.

DIA DA MENTIRA

O Dia da Mentira surgiu na França após a implantação do calendário gregoriano em razão da mudança na data da festa de ano novo, que passou do dia 1º de abril para o dia 1º de janeiro.

Na época, nem todos aceitaram essa mudança de datas e continuaram fazendo suas festas de recepção do ano novo na data antiga. As pessoas que insistiam em manter vivo esse costume foram consideradas tolas, por isso eram alvos das brincadeiras dos demais.

As pessoas que aceitaram a mudança da data enviavam presentes e os convidavam para as falsas festas. E assim começaram a fazer brincadeiras e gozações com aquelas pessoas consideradas conservadoras. Com isso, a data passou a ser duvidosa, pois os resistentes nunca sabiam se tais convites eram verdadeiros ou não.

Duzentos anos mais tarde, essas brincadeiras se espalharam por toda a Inglaterra e, consequentemente, para todo o mundo, ficando mais conhecida como o Dia da Mentira.

0 comentários! Clique aqui e comente!:

Publicar um comentário